Rodovias estaduais podem ser entregues à concessões privadas

| Sem comentário
O Governo do Estado, por meio do Conselho Gestor do Programa Estadual de Parcerias Público-Privadas (Propar), divulgou, no dia 11 de abril, o edital de chamamento público para abertura de Procedimento de Manifestação de Interesse para a apresentação de estudos.

Estrada RJ-104 - Reprodução da internet

O prazo para a apresentação do requerimento de autorização para a elaboração dos estudos técnicos destinados à implementação de concessão de rodovias estaduais vai até o dia 25 de maio

Os interessados devem apresentar o documento no protocolo da Secretaria de Estado da Casa Civil e Desenvolvimento Econômico (Rua Pinheiro Machado, s/nº), das 9h às 17h. Depois de autorizados, terão mais quatros meses para a efetiva elaboração.

Esta iniciativa é fruto dos trabalhos realizados pela Secretaria de Estado de Transportes na elaboração do Plano Estratégico de Logística e Cargas do Estado do Rio de Janeiro (PELC/RJ 2045). É desenvolvida com suporte financeiro e apoio técnico do Banco Mundial, que identificou as limitações e perspectivas atuais e futuras da rede de transporte de cargas, com demandas projetadas até o horizonte do ano de 2045.

A partir dos trabalhos de modelagem e simulação da rede foi possível definir um conjunto de rodovias e vias urbanas que podem ser operadas, mantidas e desenvolvidas sob a forma de concessões.

A concessão de parte da malha atualmente gerida pelo estado trará às rodovias melhores condições de trafegabilidade, segurança, proporcionando redução dos atuais engarrafamentos nestas vias, bem como redução do custo logístico. Além disso, serão gerados muitos empregos na fase de recuperação, construção, manutenção e operação – destacou o subsecretário de Transportes, Delmo Pinho.

Para estabelecer as diretrizes mínimas para a elaboração dos estudos técnicos, a Setrans, em cooperação com a Secretaria de Obras, o Departamento de Estradas de Rodagem (DER-RJ) e a Secretária de Estado da Casa Civil, elaborou um Termo de Referência. Nele, os lotes de concessão foram divididos em três grupos que englobam diferentes regiões do estado.


Grupo 1 -
Lote Sul Fluminense - abrange as rodovias:

RJ 127 (entre a Dutra - BR-116 - e a Rodovia Aço - BR-393);
RJ-145 (entre a Dutra e a Rodovia 151)
RJ-155 (entre a Dutra e a Rio Santos).

Estrada RJ 127 - Foto: Reprodução da internet


Lote Noroeste - formado pelas:
RJ-122 (entre a Rio Teresópolis e o entroncamento com a RJ-116);
RJ-158 (entre a BR-393 e a RJ-160);
RJ-160 (entre a RJ-158 e a RJ-116);
RJ-186 (entre as divisas de MG e ES), que beneficiam municípios como Cachoeiras de Macacu, Itaperuna, Bom Jesus de Itabapoana, entre outros.

Estrada RJ-122 - Foto: Reprodução da internet


Lote Litoral Norte – engloba as rodovias 
RJ-106, que faz a conexão de São Gonçalo a Macaé, passando pela Região dos Lagos e interligando as cidades litorâneas e a RJ-162, totalizando 213,1 km.

Esstrada RJ-106 - Foto: Reprodução da internet


Grupo 2 - agrupamento de rodovias urbanas metropolitanas:
RJ-103 Transbaixada, a ser construída, conexão direta entre Nova Iguaçu e Caxias; extensao da Via Light (RJ-081), conexão com a Av Brasil; e extensão da Linha Vermelha (RJ-071), permitindo a conexão com a Via Light.

Estrada RJ -081 - Foto: Reprodução da internet

Grupo 3 - constituído exclusivamente pela rodovia planejada RJ-244, tem aproximadamente 45 km de extensão, e conecta a BR-101, na altura de Campos dos Goytacazes, ao Complexo Industrial e Portuário do Açu, no município de São João da Barra.

Nas propostas os participantes terão que descrever a metodologia que será empregada para o desenvolvimento dos estudos técnicos, acompanhada de um Plano de Trabalho, empregando as melhores práticas de elaboração, segundo normas e procedimentos pertinentes.

Os estudos devem ser divididos nos seguintes temas centrais: engenharia, ambiental, fluxo financeiro, aspectos jurídicos e contratuais.


Mais informações: http://www.rj.gov.br/web/sedeis/exibeconteudo?article-id=6666601


Tags :

Nenhum comentário:

Postar um comentário

[2][iconeI][style-1][LEIA TAMBÉM][As mais lidas até o momento]

Somos movidos pelo interesse de explorar os meios, modos e regras que integram o sistema de mobilidade urbana no Estado do Rio de Janeiro. O avanço tecnológico tem trazido mais dinamismo nas cidades, fazendo com que a população evolua e acompanhe esse avanço.

Buscamos obter informações, matérias, históricos e projetos de mobilidade e transformação urbana, assim como a realização de visitas técnicas em empresas, concessionárias e instituições relacionadas à Mobilidade Urbana do RJ, cuja perspectiva é abordar temas mais diversos e estar inteirado no que há de vir nos serviços de transportes.


Mobilidade nas Ruas: Distrito de Santo Aleixo (Magé)

O Distrito de Santo Aleixo localiza-se no extremo norte do município de Magé, junto às divisas de Petrópolis e Guapimirim; distanciando-se n...

NOSSOS PARCEIROS