Expresso São Francisco

| Sem comentário
A Expresso São Francisco é a empresa que detém o maior número de linhas municipais em Nilópolis, além de ter linhas ligando o município à Nova Iguaçu e Mesquita e uma linha que foge a este eixo, é a 180I Nova Iguaçu x Japeri.


Expresso São Francisco

O crescimento da Expresso São Francisco se deve a aquisição de linhas de tradicionais empresas de Nilópolis, como a Transportes Vilma – operava a linha Soares Neiva x Rodoviária -, Nossa Senhora da Conceição e Viação Irene.


Expresso São Francisco

A empresa fundada no dia 6 de abril de 1967, pelo italiano Giuseppe Grosso presta diversas homenagens:
Seu nome homenageia São Francisco de Paula, devido à devoção de seu fundador. 
A pintura da frota da empresa homenageia a Itália através da utilização das cores da bandeira italiana. 
Ainda na pintura da sua frota, a empresa homenageia a escola de samba Beija-Flor de Nilópolis com a impressão da ave em seu layout.



O começo

Inicialmente, a frota era composta por apenas dois veículos que operavam na linha Soares Neiva - Centro, adquirida com a compra da Transportes Vilma. Em 1972, a empresa já contava com cinco ônibus, que além da linha inicial, operavam também na linha circular Maria Braga x Augusto Paris.




Com a compra da Viação Nilópolis sua frota e número de linhas cresceram. Em 1979 a empresa adquiriu trinta ônibus e algumas linhas da Viação Nossa Senhora da Conceição.




Foi a entrada da Expresso São Francisco em território iguaçuano. As linhas municipais 
Fábrica de Pólvora x Nova Iguaçu, Nova Iguaçu x Delamare e Rua da Serra x Nova Iguaçu foram depois transformadas em intermunicipais, após a emancipação do então distrito de Mesquita, ocorrida em setembro de 1999.





Além das então linhas municipais, a São Francisco também adquiriu da Viação Nossa Senhora da Conceição, a linha intermunicipal 439I (Nilópolis x Mesquita). A São Francisco também chegou a operar a linha municipal de Mesquita Delamare x Edson Passos


Caio Gabriela II da EExpresso São Francisco na Linha 439I Nilópolis x Mesquita passando em frente à Estação de Nilópolis. Atrás um Metropolitano Ipanema da Nilopolitana em 1982



Reestruturação

Visando se reestruturar, a São Francisco vendeu as linhas, com exceção da 439I, que havia adquirido da Viação Nossa Senhora da Conceição.




O Grupo MVR, proprietária das empresas Mirante e Vila Rica passou a operar as linhas.

Expresso São Francisco

Uma curiosidade, é que a Expresso São Francisco, quando ainda era dona da 
Fábrica de Pólvora x Nova Iguaçu, transformada em linha intermunicipal após a emancipação de Mesquita, solicitou autorização junto ao Departamento de Transportes Rodoviários - DETRO, para ampliar a linha até o Hospital da Posse, alterando assim a denominação da linha para 461I - 
Fábrica de Pólvora x Hospital da Posse. Após a aquisição, o Grupo MVR voltou a operar a linha até o Centro de Nova Iguaçu.




Nova fase

O investimento da São Francisco na qualidade dos serviços e a atenção dedicada a cada detalhe da operação, impulsionaram o crescimento da empresa, de forma a atender à demanda de seus clientes.


Garagem - Expresso São Francisco

A sede atual da São Francisco é localizada no bairro Santos Dumont, em Nilópolis. É composta por dois espaços: a sede tem 15 mil metros quadrados e lá funciona uma estação de tratamento e reuso das águas da chuva e lavagens dos veículos, assim como uma estação de tratamento de esgoto. Já a segunda garagem, possui 4 mil metros quadrados e funciona em frente da sede. 



São Francisco na Barra da Tijuca...só que não

Em 1998 a empresa chegou a ganhar a concessão de uma linha ligando o município de Queimados à Barra da Tijuca, porém uma liminar e uma posterior perda no processo impediu a empresa de operar a referida linha.


Expresso São Francisco

Os ônibus adquiridos para operar a linha eram, até então os mais modernos adquiridos, eram os modelos Padron Cidade II, encarroçados pela Ciferal e possuíam piso taraflex e poltronas ergonômicas, além do sistema de sonorização ambiente. Com a derrota na Justiça, a empresa distribuiu os veículos nas linhas municipais Soares Neiva x Rodoviária (Nilópolis) e Delamare x Nova Iguaçu.

A empresa setoriza os carros em uma organização interna, com isso os carro dos setores intermunicipais de Nilópolis e Japeri são restritos à sua área de operação. 


Expresso São Francisco

Em uma tentativa de criar um setor de fretamento e turismo, a empresa adquiriu duas unidades do modelo Nielson Diplomata, com chassi Scania. A empresa manteve o desenho de gaivota fazendo apenas alterações nas cores verde e azul. 



Quando a empresa operava linhas municipais de Nova Iguaçu ela possuía veículos exclusivos para cada município, inclusive com numeração específica. 

Atualmente a empresa opera as seguintes linhas municipais em Nilópolis:

01 Rodoviária x Soares Neiva
02 Cabral x Paiol
03 Pedro Alvares Cabral x Novo Horizonte 
04 Nova Cidade x Olinda 
05 Prefeitura x Nova Cidade 
06 Cabral x Maria Braga
07 Centro x Paiol
07B Centro x Alto Cabuis

Intermunicipais:

431I Nilópolis x Nova Iguaçu
439I Nilópolis x Mesquita
180I Nova Iguaçu x Japeri 


Unindo Nilópolis e Nova Iguaçu

Quando Mesquita era o quinto distrito de Nova Iguaçu, a Expresso São Francisco era uma das empresas que ligavam Nilópolis até aquele município. Com a emancipação de Mesquita, ocorrida em 1999, houve um corte nessa ligação. A linha 439I (Nilópolis x Mesquita) já não ia mais até Nova Iguaçu.


Expresso São Francisco

O restabelecimento dessa ligação veio alguns anos depois. No início dos anos 2000, a Expresso São Francisco solicitou ao DETRO a expansão da linha 439I até o município de Nova Iguaçu, porém o órgão só aceitou que a linha fosse até a divisa entre Mesquita e Nova Iguaçu, no bairro de Juscelino. Ainda não era dessa vez, que a São Francisco iria juntar nilopolitanos e iguaçuanos. 


A solução veio mais a frente, ainda na década de 2000, a São Francisco passa a operar a linha 431. Era uma linha nova e que ligaria, finalmente, Nilópolis à Nova Iguaçu. Ainda em fase de transição, alguns carros circulavam com a numeração 431, porém só iam até Juscelino. A solução foi voltar a rodar a linha 439I com seu trajeto original, ou seja Nilópolis x Mesquita e a 431 rodava como Nilópolis x Nova Iguaçu. 


Expresso São Francisco

No início, a 431 tinha poucos ônibus e aos poucos, a demanda foi aumentando e o processo se inverteu. Hoje a 439 tem no máximo dois ônibus e a 431 roda com seus ônibus sempre cheios. 


Com a criação da 431, a Expresso São Francisco consolidou o seu domínio no eixo Nilópolis x Chatuba x Mesquita, região hoje dividida com o Grupo MVR.


A Expresso São Francisco também operou a linha Nova Iguaçu x Paracambi antes das empresas Normandy do Triângulo e Transportes Blanco.



Referências Bibliográficas



Expresso São Francisco, Conhecendo Mesquita, Nilópolis Online, Busologia do RJ, Mesquita Online, Ônibus Brasil, Cia de Ônibus.
Tags :

Nenhum comentário:

Postar um comentário

[2][iconeI][style-1][LEIA TAMBÉM][As mais lidas até o momento]

Somos movidos pelo interesse de explorar os meios, modos e regras que integram o sistema de mobilidade urbana no Estado do Rio de Janeiro. O avanço tecnológico tem trazido mais dinamismo nas cidades, fazendo com que a população evolua e acompanhe esse avanço.

Buscamos obter informações, matérias, históricos e projetos de mobilidade e transformação urbana, assim como a realização de visitas técnicas em empresas, concessionárias e instituições relacionadas à Mobilidade Urbana do RJ, cuja perspectiva é abordar temas mais diversos e estar inteirado no que há de vir nos serviços de transportes.


Mobilidade nas Ruas: Distrito de Santo Aleixo (Magé)

O Distrito de Santo Aleixo localiza-se no extremo norte do município de Magé, junto às divisas de Petrópolis e Guapimirim; distanciando-se n...

NOSSOS PARCEIROS