Da Viação Periquito à Auto Viação Reginas

| 3 Comentários
Em 1946, o Sr. Manoel Teixeira e Silva chefe de uma família numerosa, pediu transferência ao DNER, onde era funcionário, para o recém criado 7º Distrito Rodoviário, no quilômetro zero da Rodovia Presidente Dutra.




 Concedida a transferência, a família deixou Teófilo Otoni (MG) e veio residir em Duque de Caxias. Mas não bastava ao Sr. Manoel Teixeira e Silva ser funcionário do DNER, pois, com uma família numerosa, com filhos para mandar às escolas, precisava reforçar o seu orçamento. Homem decidido pediu demissão e, com o dinheiro recebido como indenização, comprou um caminhão, dedicando-se então ao serviço de mudanças e transporte de aterro.

O princípio foi difícil, a família residia em uma casa modesta, mas a confiança na vitória fazia-os unidos. Em 1951, surgiu a oportunidade de mudança: o Sr. Manoel Teixeira e Silva trocou o seu valente "Dodge" por um furgão, adaptado para o serviço de autolotação, mais os direitos de exploração de uma linha que ligava o Centro de Duque de Caxias ao bairro Itatiaia. O preço da passagem era de apenas Cr$1,50.

Trabalhando só à princípio, o Sr. Manoel Teixeira e Silva era o empresário-dono do autolotação, o motorista e o cobrador. Depois de um extenuante dia de trabalho, ele chegava em casa com a féria: Cr$ 20,00. Apesar do cansaço, não se deixava esmorecer. Em pouco tempo houve uma comemoração em família: a féria daquele dia era de Cr$ 300,00. O aumento do mercado de passageiros, a criação de novas linhas, a compra de novos veículos, foi uma consequência natural da obstinação com que o Sr. Manoel Teixeira e Silva, se dedicava ao trabalho. E a medida que os seus filhos iam crescendo, passavam a se integrar à empresa, como ajudantes de mecânico, cobradores e, finalmente motoristas.



Em 20 de agosto de 1960, 9 anos depois da troca do velho caminhão por um ainda mais cansado furgão, nascia a Auto Viação Caxias, sucessora da Viação Periquito, agora com a participação dos seus filhos mais velhos Odilon e Olair Pereira Teixeira.


Viação Periquito

Odilon dedicou toda a sua vida ao transporte. Ainda com 15 anos de idade, morando no mesmo bairro onde atualmente está sediada a garagem da Auto Viação Reginas, começou a trabalhar como cobrador de ônibus. Passou por várias empresas de transporte, como a Viação Gramacho, Viação Coletivo e Viação Albatroz. Depois, seu pai, Manoel Teixeira e Silva, junto com um amigo, comprou um lotação e levou o filho para trabalhar com ele. O veículo fazia a linha Periquito x Caxias e deu origem à Viação Periquito.




Auto Viação Reginas

Odilon se apaixonou definitivamente pelo setor de transporte. Em 1964, aos 29 anos de idade, fundou a Viação Reginas. O nome foi uma homenagem às filhas Fátima Regina, Telma Regina e Sandra Regina, tendo como sócia a sua própria esposa, Izilda Gonçalves e como concessão a linha "Caxias x Periquitos", que fora de seu pai por muitos anos.

Apenas quatro meses depois de constituída, a Auto Viação Reginas Ltda adquiriu os direitos da concessão "Caxias x Prainha" e "Caxias x Bar dos cavaleiros". Ampliada a frota, a área de concessão, novo ânimo se apossou da direção da empresa. E a ela se associou o Sr. Flourival Alves, empresário que se dedicava ao transporte rodoviário de longo percurso e resolveu participar da empresa de seu cunhado Odilon. Isto foi em 1966 ocasião em que foi adquirida a Viação Barreirinhas Ltda, concessionária da linha "Variante".



Em 1969, a Auto Viação Reginas Ltda incorporou a Fluminense Auto Ônibus, detentora da linha "Caxias x Bonsucesso", que foi esticada até Del Castilho. Em 1970, a empresa comprou os direitos de concessão da Auto Viação Caxias Ltda, para em seguida incorporar a Viação Paredense detentora da linha "Caxias x Praça da Bandeira".


Antiga garagem da Transportes América - Vilar dos Teles

Em 1979 após o fechamento da Empresa de Transportes Municipal, as linhas foram passadas para a Transportes América. O detalhe é que as linhas ficaram de 1983 até 1985 sem serem operadas. A Transportes América abandonou a linha por problemas com a frota da linha, isso ocorreu em meados de 1983. Com isso, a CTC a operou por um curto período e em dezembro de 1985 a Reginas recebeu do Detro os direitos de concessão das linhas:



416C Parque São José x Central
417C Vilar dos Teles x Central
418C Jardim Redentor x Central
427C Vilar dos Teles x Praça XV

Com o fechamento da Transportes SOL em 1987, a Transportes Flores comprou as linhas:

136I Nova Iguaçu x Caxias via Vilar dos Teles
425C Vila São Luiz x Central



Porém a Transportes Flores preferiu ficar coma 136I e vendeu a 425C pra a Auto Viação Reginas.

A Auto Viação Reginas Ltda, detém parcela importante do mercado de passageiros do município, com as suas oito linhas, ligando o Centro aos bairros e à Guanabara. O total das oito concessões correspondia a um percurso de 83 quilômetros, enquanto seus veículos transportavam 110.000 passageiros diários, com um crescimento de 10% ao ano. Enquanto o Sr. Manoel Teixeira e Silva lutava todo um dia para conseguir Cr$ 0,02, a Auto Viação Reginas Ltda conseguia por sua vez a cifra de Cr$ 1.595.632,69 num só mês.



A Auto Viação Reginas se destaca entre as empresas de transporte urbano do Estado do Rio de Janeiro pela inovação e pioneirismo. No início dos anos 90, foi a primeira empresa a montar um ônibus movido a gás natural veicular (GNV). Os oito ônibus foram montados dentro da própria garagem e testados pela Mercedes-Benz. Mas, devido à falta de apoio e incentivo do governo, o projeto não teve continuidade. O custo por quilômetro rodado tornou-se mais caro nos veículos a gás do que nos ônibus movidos a óleo diesel".

Ainda sendo pioneira em inovações, lançou o primeiro ônibus urbano com ar e motor dianteiro. Com o seu crescimento, implantou um sistema de premiação em dinheiro para os motoristas que não deixam passageiros a pé, não se envolvem em acidentes, andam bem uniformizados, com cabelo cortado e barbeados, que respeitam o limite de velocidade e que não possuem registro de reclamação feita pelos clientes.

Para que os funcionários possam estar sempre com uma apresentação impecável, a Reginas instalou, em suas dependências, uma barbearia que cobra preços simbólicos pelo corte de cabelo, barba e manicure Outros benefícios, como refeições, também a preços simbólicos, servidas num refeitório com capacidade para 120 pessoas, Centro de Esportes, com quadra de futebol de salão e basquete, treinamento e capacitação constantes dos funcionários, médico do trabalho diariamente na empresa, ambulatório que permite fazer a maioria dos exames dentro da garagem, inclusive o eletrocardiograma, e, finalmente, nenhuma burocracia na administração da empresa, garantem a satisfação dos profissionais, que trabalham com maior dedicação.



Aumento da área de atuação

Em junho de 2000, a cor amarela ganhava destaque perante o verde intenso das matas das cidades de Magé e Guapimirim, na Baixada Fluminense. Após a falência da empresa de ônibus Luxor, a Auto Viação Reginas Ltda. que operava somente linhas em Belford Roxo , Duque de Caxias e São João de Meriti , passou a operar também as seguintes linhas:



125C Magé x Central
126I Magé x Duque de Caxias via Imbariê
195C Guapimirim x Praça Mauá via Seletiva
196C Guapimirim x Central
464C Andorinhas x Central
465I Andorinhas x Duque de Caxias via Imbariê
474C Vilar Santo Aleixo x Central
Magé x Castelo via Linha Vermelha

A segunda linha mais longa partindo da Central do Brasil, a linha 196C durante muito tempo passava pelo centro Magé e teve o seu trajeto alterado em meados de 1996, seguindo direto pela Rio-Teresópolis. A Transporte e Turismo Luxor operava com 7 ônibus efetivos na linha. Ao assumir a linha, em 2000, a Auto Viação Reginas tratou rapidamente de fazer melhorias, tais como a revisão dos horários, a aquisição do modelo Ciferal Turquesa chassi OF1721 com de 49 lugares.



Com o fim das empresas Luxor (RJ 145) e Anatur (RJ 103), a Auto Viação Reginas adquiriu o modelo Urbanuss. Tal coletivo da Busscar, encarroçado sobre o chassi Mercedes-Benz OF-1721, possuía embarque traseiro (muitíssimo comum à época), itinerários de lona, para-brisa bipartido, janelas de correr com aberturas em ambos os níveis (superior e inferior) e frisos laterais na cor preta.



Em abril de 2002, foi realizada a maior inovação vista até então, entrava em operação o serviço de ar condicionado e poltrona reclinável com o moderno Comil Svelto. Esta inovação era disponível apenas na linha Guapimirim x Praça Mauá. O primeiro ônibus foi o de prefixo RJ 110.137 que fazia o primeiro horário da linha às 4:30h da manhã. 
Bastou apenas uma semana para que todos os horários fossem substituídos por ônibus com ar condicionado.



A linha executiva, a Guapimirim x Praça Mauá via Seletiva era oferecida apenas em um horário, com saída às 6:00 da manhã e retornando às 18:30h. Na época, era a única que possuía ônibus com ar condicionado Em 2007, com a chegada dos Ônibus Ideale 770 chamados de HighClass, linha passou a ter mais ofertas de horários sendo estendida até o Terminal Menezes Côrtes no Castelo, no coração do Rio de Janeiro.



Em Novembro de 2009, a linha Guapimirim x Castelo foi totalmente renovada por um novo serviço batizado de MASTER CLASS, trata-se do moderno ônibus Marcopolo Viaggio G7 900 chassi Mercedes-Benz OF1722M, equipado com ar condicionado, banheiro, poltronas mais largas e um moderno visual, que ganha destaque por onde passa. Recentemente, a Auto Viação Reginas reativou a linha original Guapimirim x Praça Mauá, com dois horários: às 06h sando do centro de Guapimirim e, às 15:30, partindo da Caneca Fina.



Ainda em meados dos anos 2000, com o fim da Transportes Primavera, a Auto Viação Reginas operou (emergencialmente) algumas linhas municipais de Magé. Em 2005, a Auto Viação Reginas recebe amplia a sua área de operação, chegando ao município de Cachoeiras de Macacu, consolidando assim a sua operação ao norte da Baía de Guanabara.

A linha MB15 Cachoeiras de Macacu x Magé via Guapimirim era operada pela Rápido Cachoeirense, empresa que outrora pertenceu ao grupo Rio Ita, depois passando a pertencer à empresa Magemirim, que também a operou. Com a dissolução do grupo Magemirim, a Auto Viação Reginas recebeu a linha.

A linha MB 16 Cachoeiras de Macacu x Duque de Caxias também foi adquirida da Rápido Cachoeirense/Transportes Magemirim. A auto Viação Reginas criou a variante Duque de Caxias x Guapimirim. A Rápido Cachoeirense era uma das empresas locais da Rio Ita. 



Operava linhas para:
Magé > MB15 Posto Fiscal > seção da 576I
Duque de Caxias > MB16
Itaboraí > MB70 absorvida pela Rio Ita



A Rápido Cachoeirense usava uma pintura semelhante à da empresa-mãe, até que foi comprada pela Magemirim.



A linha 800I Magé x Caneca Fina: Era operada inicialmente pela Primavera, desde o tempo em que Guapimirim era um distrito de Magé. Com a emancipação, no início da década de 90, esta linha passou a ser intermunicipal (a Primavera tinha o registro DETRO RJ 157).



Com o fim da Primavera, a Magemirim passou a ser a concessionária deste serviço, até a aquisição de suas linhas pela Reginas nos anos 2000.

Em 2012, a empresa adquiriu alguns Marcopolo Torino 2007 oriundos da Transportes Santo Antônio. Os mesmos operavam desde 2008 na linha 415T Duque de Caxias X Barra da Tijuca. Com embarque traseiro, itinerários de lona, para-brisa bipartido, janelas de correr lacradas (em ambos os níveis), ar-condicionado Thermo King, televisão e capacidade para 43 passageiros sentados.

A Auto Viação Reginas adquiriu também o modelo Marcopolo Viaggio da empresa Optar Fretamento e Turismo. O modelo fabricado em 2014 tem a capacidade para 46 passageiros sentados. São ônibus modernos e encarroçados sobre o chassi Mercedes-Benz OF-1721L Blue-Tec 5, que possuem faróis de neblina, portas pantográficas, janelas com vidros colados/selados, para-brisas bipartidos e itinerário eletrônico Inova na cor âmbar, além do sanitário (WC) e do ar-condicionado.



Em 2017, após duas intervenções, a Expresso Mangaratiba perdeu a concessão de suas linhas por pelo menos 365 dias. Segundo o Detro, ficou constatado que a empresa não possuía frota em condições de atender adequadamente à população, além de não ter demonstrado regularidade fiscal, trabalhista e previdenciária. Com isso, a Auto Viação Reginas aumentou consideravelmente a sua área de atuação, chegando à Zona Oeste da Capital, Itaguaí e Conceição de Jacareí – distrito de Mangaratiba na divisa com Angra dos Reis. As linhas são:



117T Duque de Caxias x Mangaratiba via Campo Grande
119T Duque de Caxias x Itaguaí via Bangu
121T Duque de Caxias x Mangaratiba via Estrada do Campinho
564T Duque de Caxias x Campo Grande via Parada de Lucas
570P Itaguaí x Marechal Hermes
1900T Conceição de Jacareí x Duque de Caxias via BR-101
1901T Conceição de Jacareí x Duque de Caxias
1904T Duque de Caxias x Campo Grande
2904T Duque de Caxias x Santa Cruz




Devido à essa intervenção na Expresso Mangaratiba, a Auto Viação Reginas adquiriu em março de 2017 o modelo Marcopolo Paradiso G7 1050 também oriundos da Optar Fretamento e Turismo. Devido ao curto prazo para se estruturar, os ônibus começaram a circular com a pintura da Optar e adaptada emergencialmente à pintura da Auto Viação Reginas já que não tiveram tempo hábil para repintá-los.

Encarroçados sobre o chassi Mercedes-Benz O-500R Blue-Tec 5, foram fabricados em 2012. Possuem capacidade para 46 passageiros sentados em confortáveis poltronas com encosto de cabeça com gel injetado. Dentre outros itens, possui ar-condicionado, aparelhos televisores digitais, equipamentos de som e de DVD, wi-fi, sanitário (WC), frigobar e carpete vermelho no corredor dos ônibus. Também equipados com itinerário eletrônico na cor âmbar - assim como os veículos Marcopolo Viaggio G7 900, possuem ainda faróis de neblina conjugados com luzes de LED, lanternas de neblina em LED, portas pantográficas, janelas com vidros colados/selados, amplos bagageiros e para-brisas bipartidos.

Atualmente a Auto Viação Reginas atua nos municípios de Belford Roxo, Cachoeiras de Macacu, Duque de Caxias, Guapimirim, Itaguaí, Magé, Mangaratiba, Rio de Janeiro e São João de Meriti.

Linhas intermunicipais operadas pela Auto Viação Reginas

117T Duque de Caxias x Mangaratiba
119T Duque de Caxias x Itaguaí
121T Duque de Caxias x Mangaratiba
125C Magé x Central
126I Duque de Caxias x Magé
127C Magé x Candelária
195C Guapimirim x Praça Mauá
196C Guapimirim x Central
414I Duque de Caxias x Jardim Metrópole
416C Parque São José x Central



417C Vilar dos Teles x Central
418C Jardim Redentor x Central
420C Gramacho x Central via General Rondon
421C Doutor Laureano x Central
422C Jardim Gramacho x Central
423C Gramacho x Central via Itatiaia
424C Vila São Luiz x Central via Beira Mar
425C Vila São Luiz x Central via Washington Luiz
426C Vila São José x Central via Avenida Brasil
427C Vilar dos Teles x Candelária
464C Andorinhas x Central
465C Andorinhas x Duque de Caxias
474C Santo Aleixo x Central
564T Duque de Caxias x Campo Grande
570P Itaguaí x Marechal Hermes
576I Duque de Caxias x Guapimirim
739L Vilar dos Teles x Cocotá
800I Magé x Caneca Fina
805I Magé x Paraíso
810I Magé x Barreira
815I Magé x Vale das Pedrinhas
1900T Duque de Caxias x Conceição de Jacareí via Campo Grande
1901T Duque de Caxias x Conceição de Jacareí via Rio-Santos
1904T Duque de Caxias x Campo Grande
2125C Magé x Castelo
2195C Guapimirim x Castelo
2416C Gramacho x Praça Mauá
2416C Gramacho x Rodoviária Novo Rio
2417C Vilar dos Teles x Praça Mauá
2417C Vilar dos Teles x Rodoviária Novo Rio
2418C Jardim Redentor x Praça Mauá
2904T Duque de Caxias x Santa Cruz
4416C Parque São José x Praça Mauá
4416C Parque São José x Rodoviária Novo Rio
MB15 Magé x Cachoeiras de Macacu
MB16 Duque de Caxias x Cachoeiras de Macacu
MB25 Guapimirim x Cachoeiras de Macacu


Linhas municipais de Duque de Caxias

016 Hospital Duque de Caxias x Jardim Gramacho
017 Periquitos x Variante
018 Olavo Bilac x E. Correia Méier
018 Olavo Bilac x COHAB
019 Hospital de Duque de Caxias x COHAB



Linhas municipais de Magé já operadas pela Auto Viação Reginas

1002 Piabetá x Andorinhas via Santo Aleixo
1003 Magé x Pau Grande via Piabetá
1005 Magé x Raiz da Serra via Piabetá




A Auto Viação Reginas também operou as linhas:

127C Magé x Castelo via Linha Vermelha e Perimetral
416C Parque São José x Praça Mauá
418C Jardim Redentor x Praça Mauá
421C Doutor Laureano x Central via Itatiaia
427C Vilar dos Teles x Praça XV
576I Duque de Caxias x Posto Fiscal
739L Vilar dos Teles x Cacuia
815I Magé x Parque Nossa Senhora da Ajuda
820I Magé x Saco
825I Magé x Parada Ideal
830I Magé x Limoeiro
XXX Duque de Caxias X Del Castilho > Atual linha 485L Duque de Caxias x Pilares (operada pela Transportes Fabio’s)
XXX Duque de Caxias x Praça da Bandeira > Atual linha 489L Duque de Caxias x Praça Saens Pena (operada pela Transportes Fabio’s)

A empresa é registrada no DETRO-RJ com a inscrição RJ 110. Em Duque de Caxias, possui a inscrição municipal da empresa é DC 4. Quando operou linhas municipais em Magé, a inscrição municipal foi MG 1. Atualmente, a Auto Viação Reginas não opera linhas municipais em Magé.




Garagem Matriz

Rua Amador Bueno, 196 no Jardim Olavo Bilac - Duque de Caxias

Garagens de apoio e pátio de estacionamento

Rua Piedade, 923 – Magé
Praça da República em São Cristóvão – ao entorno do Centro de Tradições Nordestinas Luiz Gonzaga
Rua Barão de São Félix – Junto ao Terminal Rodoviário Américo Fontenelle – Centro do Rio de Janeiro
A Auto Viação Reginas já possuiu também uma garagem de apoio na Gamboa, na Rua Barão da Gamboa, 163.


Referências Bibliográficas

Terebus, Duardinho Marques 058, Cia de Ônibus Genealogia das Famílias, Pereira e Teixeira, Detro-RJ Fetranspor, Empresas Concursos RJ, Google Maps, Relatos de Viagem ETC, Rotas Fluminenses, Viajando, André 100B

Tags : ,

3 comentários:

  1. adorei esse post e saber da história da empesa,,só não entendi sobre as linhas da fabios,,a reginas é a dona?? mas quem opera é a fabios.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As linhas foram compradas pela Auto Viação Reginas de empresas já extintas. Anos mais tarde, a Reginas vendeu e trocou outras linhas, algumas delas foram compradas pela Transporte Fábio's.

      Excluir
  2. história muito boa!! mas poderiam melhorar a quantidade de carros. PR linha 016 pistola

    ResponderExcluir

[2][iconeI][style-1][LEIA TAMBÉM][As mais lidas até o momento]

Somos movidos pelo interesse de explorar os meios, modos e regras que integram o sistema de mobilidade urbana no Estado do Rio de Janeiro. O avanço tecnológico tem trazido mais dinamismo nas cidades, fazendo com que a população evolua e acompanhe esse avanço.

Buscamos obter informações, matérias, históricos e projetos de mobilidade e transformação urbana, assim como a realização de visitas técnicas em empresas, concessionárias e instituições relacionadas à Mobilidade Urbana do RJ, cuja perspectiva é abordar temas mais diversos e estar inteirado no que há de vir nos serviços de transportes.


Mobilidade nas Ruas: Distrito de Santo Aleixo (Magé)

O Distrito de Santo Aleixo localiza-se no extremo norte do município de Magé, junto às divisas de Petrópolis e Guapimirim; distanciando-se n...

NOSSOS PARCEIROS