Feital Transportes e Turismo

| Sem comentário
A Feital Transportes e Turismo era sediada originalmente em Itaguaí, e concessionária pública da cidade do Rio de Janeiro. Foi fundada na década de 1980 com o nome de Feital Transportes e Turismo.


Criada em 1986, como empresa de fretamento para funcionários na Ilha do Mocanguê, a então Feital, sediada em Itaguaí, começou a operar linhas urbanas na Baixada Fluminense em 1992. Logo depois, adquiriu suas primeiras concessões de ônibus na cidade do Rio de Janeiro no ano de 1997, quando foi primeira empresa de ônibus a estrear na cidade já com 100 veículos na frota.




A Feital (Padre Miguel) é a única empresa do município do Rio de Janeiro não-filiada ao Sindicato das Empresas de Ônibus (Rio Ônibus). Por isso, após a licitação da Prefeitura, em 2010, não foi integrada a nenhum dos consórcios participantes, em especial o Consórcio Santa Cruz, responsável pela operação na Zona Oeste da cidade.

Porém, como suas linhas eram licitadas e teve o contrato renovado, a Padre Miguel possuí permissão para continuar explorando o serviço de ônibus legalmente em duas linhas, licitadas em 1997, sendo através de liminar, até 2017.


Em 2005 o Detro-RJ cassou várias linhas intermunicipais da empresa.

No final de 2008, a Feital entrou em processo de falência, devido às sérias dificuldades financeiras, tendo ela mesma pedido a anulação do processo cerca de 3 meses depois.

Em 2010, A empresa retorna com seu nome fantasia alterado Transportes Padre Miguel, mantendo a mesma razão social e registro na prefeitura, na tentativa de voltar a operar suas linhas originais.

Em 2013 a empresa teve 90% de sua frota apreendida em operação da Prefeitura.



Linhas Municipais já Operadas - 99000
367 Realengo x Praça XV
756 Senador Camará x Barra da Tijuca
856 Marechal Hermes x Base Aérea de Santa Cruz
875 Cascadura x Sepetiba

Com o fechamento da Feital, a linha 367 foi operada pelas empresas Transportes Campo Grande e Auto Viação Bangu. Em 2017 com o fechamento da Bangu a linha 367 que já estava desativada e a sua "PARCIAL" 755 Realengo x Coelho Neto foram vendidas para Transportes Barra.

A linha 756 sofreu alterações em 2010, onde recebeu o código 803 e em seguida teve seu trajeto encurtado até a Taquara. De 2010 até os dias atuais, ela foi operada pela Viação Andorinha e atualmente Transportes Barra.

As linhas 856 e 875 foram extintas junto com a Feital. Os números foram passados para outras linhas do Consórcio Transcarioca. Com o surgimento da Transportes Pare Miguel, a empresa voltou com a 875 fazendo o trajeto Cascadura x Campo Grande e a 856 fazendo a ligação Marechal Hermes x Campo Grande. Em uma tentativa de retomar seu espaço, levou a linha até Santa Cruz, mas essa não durou muito tempo.



Linhas Intermunicipais já Operadas - RJ 208

540P Canto do Rio x Rio da Prata
541P Itaguai x Realengo
542P Itaguai x Realengo
543P Itaguai x Padre Miguel
544P Itaguai x Magalhães Bastos
570P Itaguai x Mal.Hermes
575P Canto do Rio x Realengo
580P Bangu x Canto do Rio
705P Bangu x Edson Passos

A Linha 432L originalmente era Nilópolis x Realengo, inicialmente operada pela Feital. Em 1993 a linha foi repassada a N.S. da Penha e ficou desativada, sendo reativada em 1994 como "541L - Bangu x Nova Iguaçu". Em 1999 a N.S. Penha reativou a linha original até o final deste mesmo ano. Após isso o código da linha de Bangu foi alterado para 432L.

Foto: Thiago Souza

Após a intervenção nas linhas da Feital, linha 570P foi operada pela Expresso Real Rio, que utilizou veículos do modelo Ciferal Turquesa e Comil Piá, proveniente da sua linha 737P. Até 2017 a linha vinha sendo operada pela Expresso Mangaratiba que teve suas linhas cassadas, passando então a operação para a Auto Viação Reginas.



A linha 705P teve sua operação em pool com a Viação Ponte Coberta por determinação do Detro. Com a intervenção da Feital a linha ficou em definitivo com a Ponte Coberta.
Tags : , ,

Nenhum comentário:

Postar um comentário

[2][iconeI][style-1][LEIA TAMBÉM][As mais lidas até o momento]

Somos movidos pelo interesse de explorar os meios, modos e regras que integram o sistema de mobilidade urbana no Estado do Rio de Janeiro. O avanço tecnológico tem trazido mais dinamismo nas cidades, fazendo com que a população evolua e acompanhe esse avanço.

Buscamos obter informações, matérias, históricos e projetos de mobilidade e transformação urbana, assim como a realização de visitas técnicas em empresas, concessionárias e instituições relacionadas à Mobilidade Urbana do RJ, cuja perspectiva é abordar temas mais diversos e estar inteirado no que há de vir nos serviços de transportes.


Mobilidade nas Ruas: Distrito de Santo Aleixo (Magé)

O Distrito de Santo Aleixo localiza-se no extremo norte do município de Magé, junto às divisas de Petrópolis e Guapimirim; distanciando-se n...

NOSSOS PARCEIROS