Expresso Mangaratiba do Início ao Fim

| Sem comentário
Grande mudança na operação de linhas na Baixada Fluminense, Capital e Costa Verde Fluminense.



Com a intervenção de duas empresas operadas pelo mesmo grupo, cinco outras passam a operar o transporte em regiões antes dominadas por elas.




Uma única empresa era responsável pela operação de linhas intermunicipais que abrangem desde Mangaratiba no Sul Fluminense até Duque de Caxias na Baixada Fluminense. Suas linhas atendiam aos bairros na extremidade sul da Baixada Fluminense passando pela BR-465 e RJ-105, Mesquita, Nilópolis e São João de Meriti até alcançar Duque de Caxias.




Expresso Mangaratiba


Fundada em 21 de outubro de 1967, a Expresso Mangaratiba iniciou sua operação ligando o município de São João de Meriti a Mangaratiba via Nova Iguaçu com cinco veículos ampliando o percurso até Duque de Caxias onde mantém hoje a sua sede.


Na Capital, as linhas atendem aos bairros da Zona Oeste às margens da Avenida Brasil e Estrada de Ferro Central do Brasil. As principais vias são as avenidas Cesário de Melo, Reta de Santa Cruz, Avenida de Santa Cruz, Estrada do Campinho e Estrada do Mendanha.



Na Zona Norte atendia aos bairros de Marechal Hermes, Ricardo de Albuquerque e Anchieta, além das linhas via Avenida Brasil até o bairro de Parada de Lucas onde segue para Duque de Caxias. As principais vias na Zona Norte são Estrada Marechal Alencastro, Rua Bulhões Marcial e Via Expressa Presidente João Goulart.

Esse imenso território foi desmembrado em três etapas, cada uma contemplando um setor ou grupo de linhas:



Primeiro lote

Esse grande domínio começou a ser dizimado em janeiro de 2017. Através de um decreto, o Departamento de Transportes Rodoviários do Rio de Janeiro a empresa perdeu a concessão de cinco linhas no eixo Avenida Brasil. As linhas foram entregues às empresas de Transporte Flores e Auto Viação Reginas, ficando a primeira com uma linha é a segunda com as outras quatro.


Empresa de Transporte Flores

451T Duque de Caxias x Campo Grande via Éden


Auto Viação Reginas



117T Duque de Caxias x Mangaratiba via Campo Grande
564T Duque de Caxias x Campo Grande via Parada de Lucas
1904T Duque de Caxias x Campo Grande
2904T Duque de Caxias x Santa Cruz

Segundo lote


No final de março do mesmo ano, mais um decreto do DETRO-RJ suspende a concessão total das linhas da Expresso Mangaratiba. Dessa vez além da Auto Viação Reginas, as linhas foram concedidas às empresas Expresso Real Rio, Expresso Recreio.


Expresso Real Rio




426P Cesarão x Itaguaí
427P Itaguaí x Santa Cruz via CODIN
428P Campo Grande x Itaguaí via Estrada do Campinho
430P Chaperó x Santa Cruz
573P Campo Grande x Itaguaí

Expresso Recreio



122T Itaguaí x Mangaratiba
457U Conceição de Jacareí x Itaguaí via Mangaratiba
458S Campo Grande x Itaguaí via Avenida Brasil
459S Campo Grande x Mangaratiba via Avenida Brasil
590I Itaguaí x Nono via Caçador
1902S Campo Grande x Conceição de Jacareí
1903S Conceição de Jacareí x Itaguaí


Auto Viação Reginas




119T Duque de Caxias x Itaguaí via Bangu
121T Duque de Caxias x Mangaratiba via Estrada do Campinho
570P Itaguaí x Marechal Hermes
1900T Conceição de Jacareí x Duque de Caxias via BR101
1901T Conceição de Jacareí x Duque de Caxias

Terceiro Lote


Antes da intervenção total, a Expresso Mangaratiba havia remanejado as suas linhas dos setores Nova Iguaçu e Costa Verde para Viação Costeira. Taís linhas foram entregues a outras empresas em agosto após um intervenção também na Viação Costeira ocorrida em agosto.

Para operar no setor Nova Iguaçu foram convocadas a empresas Transporte Flores e Viação Ponte Coberta. As linhas internas da Costa Verde foram entregues à Expresso Recreio que já vinha operando na região.



Viação Ponte Coberta



456T Duque de Caxias x Itacuruçá
452T Duque de Caxias x Muriqui via Nova Iguaçu
546I Duque de Caxias x Km 32/BR-465
450T Nova Iguaçu x Itacuruçá via Avenida Brasil


Expresso Recreio




454U Itaguaí x Itacuruçá
455U Itaguaí x Muriqui
116T Itaguaí x Mangaratiba


Transporte Flores



118T Duque de Caxias x Mangaratiba Via Nova Iguaçu
453T Duque de Caxias x Cabuçu via Nova Iguaçu
120T Duque de Caxias x Itaguaí via Nova Iguaçu



Viação Costeira

A Viação Costeira é fruto de uma cisão realizada pela Expresso Mangaratiba em 1996. Inicialmente ela operava apenas as linhas municipais em Mangaratiba. Em 2010 com a licitação de linhas ligando a Baixada Fluminense à Barra da Tijuca, a Expresso Mangaratiba estava impossibilitada de participar devido ao alto índice de processos em seu registro.



Como alternativa para não ficar de fora, utilizou a inscrição da Viação Costeira que foi aprovada e passou a operar a linha 405T Nova Iguaçu x Barra da Tijuca com o prefixo RJ 225.



Atualmente a Viação Costeira opera apenas a linha 405T em POOL com a Viação Cidade do Aço e Evanil Transportes e Turismo.


Oficialmente a Evanil não possui concessão da linha, porém foi autorizada a operação na linha após a intervenção na Viação São João Batista em Volta Redonda, onde a Viação Cidade do Aço precisou reforçar a frota e remanejou veículos do Grande Rio para o Sul Fluminense.
Tags : , ,

Nenhum comentário:

Postar um comentário

[2][iconeI][style-1][LEIA TAMBÉM][As mais lidas até o momento]

Somos movidos pelo interesse de explorar os meios, modos e regras que integram o sistema de mobilidade urbana no Estado do Rio de Janeiro. O avanço tecnológico tem trazido mais dinamismo nas cidades, fazendo com que a população evolua e acompanhe esse avanço.

Buscamos obter informações, matérias, históricos e projetos de mobilidade e transformação urbana, assim como a realização de visitas técnicas em empresas, concessionárias e instituições relacionadas à Mobilidade Urbana do RJ, cuja perspectiva é abordar temas mais diversos e estar inteirado no que há de vir nos serviços de transportes.


Mobilidade nas Ruas: Distrito de Santo Aleixo (Magé)

O Distrito de Santo Aleixo localiza-se no extremo norte do município de Magé, junto às divisas de Petrópolis e Guapimirim; distanciando-se n...

NOSSOS PARCEIROS